sábado, 26 de julho de 2008

Revezamentos


Depois de analisar todas as provas de 100m dos Jogos Olimpicos, vou falar dos revezamentos 4x100m livre e 4x100m medley para os Jogos de Pequim. Sao meus ultimos dias no Canada e portanto os ultimos dias sem acentos da Lingua Portuguesa.

O revezamento 4x100m medley masculino tem os EUA como favoritos, alias quase uma barbada. Com nadadores espetaculares em todas as provas, devem trucidar o recorde mundial e se bobear nada para perto de 3min27s, ja que tera o recordista mundial Aaron Peirson nos 100m costas, o supercampeao Bredan Hansen no peito e o atleta que nao precisa de comentarios, Michael Phelps no nado de borboleta. O nado crawl e o menos incrivel do time, com Jason Lezak. Porem, provavelmente quando ele cair na agua, seu nado e o ultimo dos quatro, o ouro ja vai estar mais que garantido.

Porem a medalha de prata sera uma incorgnita geral. Temos cerca de oito paises que podem conquistar a medalha, entre eles o fortissimo time do Brasil, alem de Australia, Japao, Russia, Franca e outros.
O time frances parece estar um passo bem pequeno a frente. Com Alain Bernard, recordista mundial do nado livre, fechando o revezamento a equipe pode se dar ao luxo de nao ir tao bem no inicio. Isso porque o nado mais deficitario e o costas, em que Benjamin Staciulus abrira para o time frances. Seu melhor tempo e de 55s17, mais de dois segundos pior que o recorde mundial. No nado borboleta e peito, Frederick Bousquet e Hugues Dubosq estao entre os melhores do mundo da prova em seus estilos.
O time da Russia e o mais regular. Nao tem nenhum nadador fora de serie, entre os favoritos a medalha em sua prova individual, mas nos quatro estilos tem um nome entre os 10 melhores do mundo. No peito, Roman Sludnov esta muito perto de baixar de 1min, no nado costas Arkady Viatchyn nadou para 54s00 esse ano, no borboleta Evgeny Korotyshkin ja esta na casa dos 51s enquanto no craw Evgeniy Lagunov tem 48s26 esse ano.

O Brasil tem Guilherme Guido nos costas que vem numa evolucao incrivel e tem tudo para nadar na casa dos 53s. Kaio Marcio, apesar de estar se especializando nos 200m borboleta, e um dos melhores do mundo nos 100m e pode nadar na casa dos 51s50. No nado peito, Henrique Barbosa esta cada vez melhor e tem tudo para nadar abaixo de 1min com ajuda da saida livre que se tem no revezamento e para terminar Cesar Cielo dispensa comentarios.

Os australianos tambem estarao na briga pela medalha. Andrew Lauterstein deve nadar o borboleta. Ele ja esta na casa dos 51s. No nado livre, Eamon Sulivan promete nadar na casa dos 46s com ajuda da saida livre, enquanto no peito Brenton Rickard esta quase abaixo de 1min. O nado costas Ashley Delnaey abrira para o time da Oceania, provavelmente com uma marca abaixo de 54s.

Os japoneses tem dois nadadores nadando os 100m costas para baixo dos 54s e terao uma grande abertura. O problema do time do sol nascente e o nado livre, em que nenhum atleta baixa os 49s, o que na natacao de hoje em dia e suicidio no revezamento medley. No peito, eles tem Katajima, que divide o posto de melhor do mundo na prova dos 100m com Hansen e no borboleta Masayuki Kishida nadando para baixo de 52s em provas individuais.

O time do Canada e um dos unicos times que fizeram uma tomada seria esse ano, pois nao haviam conseguido se classificar pelo mundial do ano passado. Fizeram 3min34s61, tempo muito forte para o ano passado mas nao bom o suficiente para 2008, o ano de mais uma revolucao nos tempos das provas. Africa do Sul e Gra Bretanha ficaram em quinto e sexto no ultimo mundial, podem brigar por uma boa posicao, mas a medalha esta mais distante.
Com um pouco de patriotismo, acredito que o Brasil consiga ficar com o bronze. A prata eu aposto na Franca apesar de saber da deficiencia no nado costas e da regularidade do time russo e australiano.
Aposta
EUA - Ouro
Franca- Prata
Brasil- Bronze


No revezamento feminino, a disputa entre americanas e australianas devera ser eletrizante. As atletas da oceania dominam as provas do nado peito e livre enquanto as americanas sao disparadas melhores no nado costas. O problema para Australia e que Lisbeth Trickett so pode nadar uma das provas, e ela e a melhor do mundo tanto no livre como no borboleta. Por isso, a segunda melhor atleta do borboleta, Jessicah Schipper nadara e muito provavelmente fara um tempo melhor que a rival americana.
As americanas deverao abrir uma boa margem na largada, com o nado costas. Natalie Coughlin devera nadar para baixo do tempo de 59s, colocando quase 1s de vantagem para Emily Seehboly, que devera nadar os costas para o time australiano. A segunda parcial da prova e o nado borboleta, em que a australia deve conseguir tirar toda diferenca aberta pelas rivais nos costas. No nado peito, as australianas deverao abrir uma boa diferenca para se garantir no nado craw com Lisbeth Trickett. Aposto na australia, mas aposto tambem que nao sera facil.

Para luta pelo bronze, as coisas serao muito equilibradas tambem. Quem e atual medalha de bronze no mundial e a equipe chinesa, que nao conta com nenhuma nadadora com grandes chances na prova individual, mas tem um belo conjunto. Jing Zhao e uma das melhores do mundo nos costas e com certeza abrira muito bem o revezamento para equipe da casa. O pais tem duas nadadoras muito perto de nadarem na casa de 1min07s o nado peito, colocando o pais provavelmente na terceira posicao na metade da prova depois do borboleta, estilo mais deficitario da China, com nenhuma atleta nadando proxima dos 58s. No nado crawl, Jiaying Pang tem tudo para baixar de 54s e fazer um temporal com o tempo chines.

As britanicas foram quarta colocadas no ultimo mundial, perdendo obronze por pouco para a China. Elas deverao ter em Pequim Francesca Halsal, no craw, Gemma Spooforth nos costas, Kate Haywood no peito e Jemma Lowe no borboleta. O destaque e para Lowe, uma das favoritas a medalha na prova individual. Nos outros tres estilos, atletas entre as 10, 12 melhores do mundo e que tem tudo para levarem o time para o podio.
O time russo tem nadadoras espetaculares nos costas e no peito, mas tem a deficiencia do nado crawl, visto que nem para o revezamento 4x100m livre o time se classificou para os Jogos Olimpicos. No nado borboleta, uma atleta nadando para 58s ja e otimo e o time pode brigar pelo bronze. O problema realmente sera a chegada, ja que nenhuma atleta nada abaixo de 55s nos 100m livre.
A Franca tambem e canditassima para medalha. No nado costas, tem Laure Manadu, que tem tudo para baixar dos 58s na abertura do revezamento. No borboleta, Alena Popchanka e uma possivel finalista da prova individual, o que coloca o time muito bem na primeira metade da prova. A grande deficiencia e a prova de peito em que nenhuma atleta nada perto de 1min09s. No crawl, Maila Metella pode recuperar a forca da equipe e ajudar o time a trazer uma medalha.

Aposta
Australia- Ouro
EUA- Prata
China- Bronze


Na prova do revezamento 4x100m livre, a Franca e franca favorita. Comandados por Alain Bernanrd, os franceses tiveram um campeonato nacional incrivel. Alain Bernard e Fabien Gilot ganharam as vagas olímpicas na seletiva nacional para os Jogos de Beijing. Bernard 47:82 e Gilot 48:02 serão os representantes do país que desponta como o maior favorito para o título do 4 x 100 livre nas Olimpíadas.As outras duas vagas do revezamento serão de Fred Bousquet, que ficou em 3o com 48:71, e Amaury Leveaux em 4o, 48:79. Ambos haviam nadado melhor nas eliminatórias. Bousquet para 48:52 e Leveaux para 48:38.
Os americanos serao rivais muito complicados. Alem do supersatar Michael Phelps, o time contara com Jason Lezak, favorito para medalha no individual, e com Garret Weber, que nadaram para baixo de 48s nas seletivas americanas. O quarto homem americano sera Nicholas Bruneli, que fez 48s31.

Alem de EUA e Franca, outros times brigarao pela medalha, mas correrao por fora, talvez para lutar pelo bronze. Os italianos, que contam com o campeao mundial Filippo Magnani, foram prata no mundial do ano passado mas dificilmente repetirao o resultado em Pequim. Esse ano, nenhum outro atleta italiano esta relacionado entre os 50 melhores da temporada,o que faz com que seja dificil o time melhorar do ano passado.

Os atuais campeoes olimpicos, os sul-africanos, nao estao com a mesma forca de 2004 mas podem surpreender. Comandados por Roland Shoeman, que fez 48s41 esse ano, tentaram melhorar a quarta posicao do mundial do ano passado. Os campeoes olimpicos de 2000, os australianos, quinto colocados no mundial do ano passado, terao no comando Eamon Sullivan, dono do segundo melhor tempo da historia da prova. O time ainda tem outros dois nomes que nadaram para baixo de 49s esse ano.
Acredito que Suecia, Canada, Brasil e Russia lutarao pelas outras vagas nas finais e podem ate nadar bem, mas dificilmente pegam medalha.

Aposta
Franca- Ouro
EUA- Prata
Australia- Bronze


Na prova do revezamento 4x100m livre feminino, a briga devera ser mais dura, com mais paises envolvidos na luta pelo ouro.
A Australia e atual campea mundial da prova e tem em Lisbeth Trickett sua maior arma para bater de novo as americanas. Alem disso, Kate Campbell e a terceira melhor do mundo neste ano na prova dos 100m, o que coloca o time um pouco a frente das yankees. As americanas, com Nathalie Coughilin no comando e Dara Torres nadando a prova, ela abandonou a disputa individual dos 100m livre, o time tem tudo para nadar de igual para igual com a atletas da Oceania. Sera uma disputa incrivel e acredito que as oito atletas nadem para baixo de 54s na prova.
Porem, nao podemos esquecer da Holanda na briga pelo ouro. O quarteto laranja conseguiu resultados incriveis esse ano, principalmente com Marleen veldihuise, que tem a quinta marca da temporada. Ao todo, a Holanda tem 4 atletas entre as 20 melhores do ano e com capacidade de nadar para 53s a prova. Se bobear, brigara pelo ouro.

A Alemanha, quarta no ultimo mundial, conta com Britta Stefan, uma das melhores do mundo na prova individual dos 100m livre, mas nao tem outras a altura para brigar pelo podio com australianas, americanas e holandesas.
O time frances, sexto no ultimo mundial, tem Maila Metela como provavel finalista na prova individual, mas nao tao favorita para medalha quanto a alema Britta. Porem, o time frances e regular e tem quatro nadadoras entre as 30 melhores do mundo, podendo ate brigar por uma medalha.

Aposta
Australia- Ouro
EUA- Prata
Holanda- Bronze

Um comentário:

George disse...

Com não tão pouco patriotismo a aposta do revezamento medlay masc do Brasil, hahaha.
Novamente parabéns pelo blog, estou sempre o acompanhando e aguardando sua aposta para as provas individuais de medlay - Laszlo Cseh ou Thiago Pereira pelo bronze? Ou ainda outro?