domingo, 22 de junho de 2008

Favoritos no Beisibol e Softbol

O beisibol e o softbol terão sua última aparição nos Jogos Olímpicos agora na edição de 2008 do evento. Eliminado do programa pelo COI, os esportes já começaram o lobby para voltarem ao quadro nos Jogos de 2016, já que para 2012 já está afirmado suas exclusões.
O beisibol é disputado só entre os homens e o softbol é sua versão light, apenas com a disputa feminina.

No beisibol, todas as oito equipes se enfrentam na primeira fase em um turno em que as quatro primeiras equipes vão às semi finais.
Os favoritos são EUA e Cuba, que ficaram com todos os quatro ouros já disputados no esporte. Tri campeões em 1992, 1996 e 2004, os atletas da Ilha de Fidel levam uma vantagem, mesmo tendo perdendo a última Copa do Mundo para os próprios americanos por 6x3 na grande final.

Os americanos, ouro em 2000 e que ficaram fora do pódio em 2004, tentam fechar com chave de ouro o beisibol olímpico, mesmo sem as maiores estrelas da Major League Basebal, o campeonato americano que reune os principais craques do mundo e atrai públicos enormes nos estádios yankees.
Em 2005, as seleções se encontraram nas quartas de finais da competição, com vitória do time do Caribe por 11x3. Será um dos maiores duelos dos Jogos e acontecerá na primeira fase, em que todos jogam contra todos, e possivelmente numa final ou mesmo numa semi final.
Outros favoritos para se classificarem para as semi finais são as seleções do Japão e da Coréia do Sul. Os vizinhos ganharam respectivamente o campeonato asiático e o pré olímpico mundial para conseguirem a vaga olímpica.

Os sul-coreanos venceram seis dos sete jogos que disputarão no pré olímpico mundial e são credenciados pela medalha de bronze na Copa do Mundo de 2005 e quinta posição em 2007, quando acabou caindo nas quartas de finais diante dos americanos.
Já os japoneses, atuais medalhistas de bronze nos Jogos Olímpicos, venceram a Coréia no pré olímpico continental num emocionante 4x3 e se mostram grandes candidatos ao pódio em Pequim. Na Copa do Mundo do ano passado, o time foi medalha de bronze depois de vencer a Holanda por 5x0 e cair nas semi finais diante de Cuba por 5x3.

Canadá e Taipei poderão surpreender e conseguir vaga nas semi finais da competição. Os canadenses foram vice campeões do pré olímpico mundial mesmo perdendo para Austrália, que vacilou contra países sem tradição e ficou sem vaga. Perdeu para o México no qualificatório americano e por isso ficou sem chances de disputar a vaga com os EUA. Na Copa do Mundo do ano passado ficou na quinta posição de seu grupo sem se classificar para as quartas de finais, perdendo novamente para Austrália e até para Holanda.

Já a equipe de Taipei conseguiu vencer oJapão no último mundial mas acabou derrotado pelos mexicanos, que não passaram sequer às quartas de finais. Nas quartas, o time perdeu para a Holanda.
Os holandeses, campeões europeus, ficaram em quarto no último mundial e podem surpreender. Perderam para Australia, que apesar de atual vice campeã olímpica não conseguiu a vaga. Ganharam o campeonato europeu sem grandes dificuldades, mas vale lembrar que o continente menos desenvolvido no esporte é o velho continente.

A equipe da China deve fazer o mesmo que Grécia fez em 2004. Perdeu todos seus jogos mas jogou com dignidade, mostrando evolução nos principais fundamentos. Ao contrário de sua parte capitalista, a China não tem a mínima tradição no esporte
Aposta
Cuba- Ouro
EUA- Prata
Coréia do Sul- Bronze
NOS JOGOS OLÍMPICOS
O lugar mais alto do pódio no beisebol sempre foi dividido por Cuba (com três ouros) e Estados Unidos (com um). Contudo, neste ano foi a vez das duas nações pararem diante da surpreendente Coréia do Sul. Equipe de melhor campanha na primeira fase, o país foi absoluto na competição, com nove vitórias em nove partidas.
Na final, diante de Cuba, os sul-coreanos venceram por 3x2, com grande atuação da defesa, que foi sólida o bastante para conter os ataques cubanos na última entrada, quando os atletas da Ilha de Fidel conseguiram rebatidas boas, mas não suficientes para marcar o ponto de empate.
O duelo esperada para a final aconteceu na semi final. Isso porque Cuba e EUA não conseguiram bater a Coréia do Sul na primeira fase, o que fez com que os rivais fechassem em segundo e terceiro na fase c lassificatória e caíssem juntos nas semi finais. Na primeira fase, Cuba venceu por 5x4. Nas semi finais, vitória mais fácil, por 10x2. Mas o placar não demonstra a tensão do jogo, que esteve equilibrado até a última entrada, quando os cubanos fizeram seis corridas.
Os japoneses, que ficaram em quarto na classificação, caíram nas semi finais diante dos sul-coreanos, não conseguindo repetir a partida que fizeram na final do campeonato asiático, quando venceampor 4x3. A partida terminou 6x2 para os coreanos.

No softbol, as favoritas são as norte americanas, que venceram todos os três torneios olímpicos já disputados, em 1996, 2000 e 2004. Além disso, as musas venceram as duas últimas Copas do Mundo, em 2007 e 2006, vencendo em ambas as japonesas.
O time do Japão, medalha de prata em 2000 e bronze em 2004, conseguiu vencer as temidas americanas na final da Copa do Mundo de 2005 e podem conseguir brigar de igual para igual com as favoritas. No mundial de 2006, o esquisito formato das competições de softbol acabou por tirar das japonesas o título do mundo.

Em todas as competições envolvendo seleções de softbol, as semi finais são esquisitas. Os dois primeiros colocados jogam entre si e o vencedor se classifica automaticamente para a final. O perdedor desse jogo disputa contra o vencedor da disputa entre o terceiro e o quarto colocado para jogar novamente por uma vaga na final. O perdedor da disputa entre terceiro e quarto é eliminado inclusive da disputa do bronze, que fica com o perdedor da partida entre o perdedor dos primeiros colocados com o vencedor do terceiro e quarto.

Desta forma, as japonesas e americanas, melhores na fase de classificação, se enfrentaram na primeira semi final e as orientais venceram por 3x1 e foram diretamente para a final. As americanas venceram as australianas por 5x1 e foram para a final, em que dessa vez confirmaram o favoritismo e passaram por 3x0.
Além das duas equipes, outros dois times conseguiram a classificação no mundial de 2006, que deu quatro vagas para os Jogos Olímpicos.

A Austrália, atual medalha de prata olímpica, e que ficou com o bronze nas outras duas edições que o softbol fez parte dos Jogos, ficou com o bronze no mundial, depois de vencer a China por 1x0 no duelo entre o terceiro e o quarto da primeira fase. O time nunca venceu as americanas em competições importantes e tem como real objetivo a medalha de prata.
O time do Canadá ficou em quinto no mundial e conseguiu a vaga olímpica pois a China, que tinha a sua garantida por ser sede olímpica, conseguiu uma sofrida classificação. Depois de perder para EUA e China na primeira fase, o time venceu a equipe te Taipei por 3x2 e perdeu para Austrália por 7x2 e terminou na quinta posição. A medalha é pouco provável, mas o time tentará a quarta vaga para as semi finais e daí tentar algo melhor.

A China, medalha de prata em 1996, está fora do pódio deste então e vem com tudo para fazer a festa da torcida com ao menos um bronze. A derrota por 1x0 para o Japão foi tão dolorosa no mundial do ano passado foi quase tão dolorosa quanto a para Austrália na "primeira semi final", o que fez com que o time amargasse a quarta posição.
O time da Holanda venceu o pré olímpico que envolveu times da Europa e da África mas não deve criar perigo para as rivais olímpicas. No mundial, ficou em 11º lugar com três vitórias em sete jogos perdendo para todos os times que conseguiram classificação para Pequim.

Taipei e Venezuela entram como franco atiradores. Campeões continentais em 2007, ficaram perto de conseguir a vaga pelo mundial, em que terminaram em sétimo e oitavo respectivamente. Na primeira fase, se enfrentaram com vitória para as sul-americanas, que posteriormente perderam para Itália por 2x1, ficando fora da disputa do torneio. Já as asiáticas, perderam para Canadá por 3x2 e foram eliminadas depois de se classificar para a segunda fase.

Aposta
EUA- Ouro
Japão- Prata
China- Bronze
NOS JOGOS OLÍMPICOS
Numa das maiores surpresas dos Jogos Olímpicos, a equipe americana de softbol terminou sem a medalha de ouro, terminando de forma amarga seu ciclo olímpico no esporte, que será excluído de Londres 2012.
O regulamento colocou as duas primeiras colocadas na primeira fase, EUA E Japão, frente a frente para decidir o primeiro dos classificados para a final. Nesta oportunidade, as americanas venceram por 4x1.
Posteriormente, o Japão, que venceu por 4x3 a Austrália na disputa por uma das vagas na final depois de cinco innings de prorrogação, enfrentou novamente as americanas e, desta vez, saiu com a vitória e a medalha de ouro. As japonesas venceram por 3x1, atribuindo a primeira derrota olímpica da história das americanas.
A medalha de bronze, conqusitada pela Austrália, começou a ser construída com a vitória por 5x3 sobre o Canadá. Terceiro e quarto na primeira fase, os times se enfrentaram por uma vaga na disputa de uma vaga na final. Resultado de 5x3 para o time da Oceania.
A equipe da China decepcionou e não foi para as "semi finais", ganhando apenas duas partidas e perdendo para Taiwan e Japão. A Venezuela conseguiu apenas uma vitória, em cima da Holanda, que ficou em último, enquanto Taiwan jogou fora a classificação na última rodada, quando perdeu para a lanterna Holanda por 4x2.

Um comentário:

George disse...

Se se liberasse a participação dos atletas da MLB para as Olimpíadas, o que é discutido se Chicago ou Tóquio sediarem o evento em 2016 ainda assim não acho que seria "barbada" para os Eua e muito provavelmente teríamos a República Dominicana como fortíssima candidata a medalha, inclusive a de ouro.
Acontece que os dominicanos, não tem tanto "material humano" para além dos craques das principais ligas estadunidenses poderem formar uma forte seleção olímpica.